Concrete Logo
Hamburger button

Amazon Echo e Alexa: Who Broke the Build?

  • Blog
  • 11 de Junho de 2016
Share

Nesta semana, fizemos um Hackathon na Concrete Solutions em São Paulo para levantar ideias de produtos relacionados com a Amazon Echo e com o Alexa. Eu já falei um pouco sobre a inteligência artificial da Amazon e sobre os produtos que ela criou neste post, mas a ideia do Hackathon era levantar possíveis formas de utilizar essa tecnologia.

Para quem ainda não leu o post, porém, explico que o Amazon Echo é mais um produto que visa entrar no nicho de voice assistant (assistente de voz),  interação por comando de voz e machine learning/inteligência artificial. Se você quiser saber mais, também pode ver esse vídeo:

Voltando ao Hackathon, depois de discutirmos sobre o mercado e os players que estão se posicionando, como é fazer uma skill para a Alexa e mostrarmos tecnicamente como tudo funciona, começamos a ter ideias de produtos que poderíamos implementar. Destaco as duas ideias principais, que surgiram com a ajuda do Leonardo Pabon:
a) Uma skill do Alexa para preencher as horas do Timesheet:
Com ela, bastaria você dizer “Alexa, preencha minhas <# de horas> horas no projeto <XPTO>” e o Timesheet, nosso sistema de gestão de horas de trabalho aqui na Concrete Solutions, seria preenchido automaticamente. Todos concordaram que ideia é boa, mas teríamos que implementar o OAuth do Google para conseguir integrar com o Timesheet e provavelmente não terminaríamos o Hackathon no mesmo dia.
b) Uma skill do Alexa para saber como está o último build no CI de um projeto e descobrir quem quebrou o build.
Nesse caso, bastaria dizer “Alexa, quem quebrou o build?” para saber a situação do build no CI. A Alexa deveria acessar as API’s do Jenkins ou TravisCI dos nossos produtos e obter as informações do último build, como por exemplo o tempo, status, e quem fez o último commit, anunciando tudo isso para o time.
A partir disso, decidimos seguir com a segunda ideia.
Além de mim, participaram do time o Douglas Barreto, o Kleber Toyota e o Tales Pinheiro. O Toyota rapidamente colocou no TravisCI um projeto que estava disponível no github do Douglas Mendes e nós implementamos o código em node.js rodando no Lambda da AWS que, por sua vez, obtinha as informações para entregar para a Alexa.
 O resultado está no vídeo abaixo:

O código da skill do Alexa está neste repositório.
Ficou alguma dúvida ou tem alguma ideia de skill e quer compartilhar com a gente? Comece a discussão aqui nos comentários. Até a próxima!
Quer trabalhar com uma equipe ágil de verdade? Acesse aqui. Se quiser saber mais sobre os nossos produtos e times, entre em contato.