Concrete Logo
Hamburger button

Como foi o Coders on Beer de Android

  • Blog
  • 21 de Março de 2018
Share

Nem a chuva torrencial que caiu em São Paulo ontem (20/03) no fim da tarde conseguiu atrapalhar mais uma noite de muita troca de conhecimento entre nosso time e a comunidade. Desta vez o assunto foi Android e Victor Nascimento, Rodrigo Castro e Bruno de Lima comandaram o papo. Com destaque para o capitão Nascimento, que não tem esse apelido por acaso e além de dar uma aula sobre truques de libs famosas ainda foi um ótimo mediador dos debates que rolaram. Vamos ver como foi?

O primeiro assunto foi “truques de desenvolvimento usados por libs famosas no Android”, com o nosso capitão ou o Mister M da noite. Basicamente a ideia da talk dele foi mostrar que muita coisa “não é magia, é tecnologia!” =). Victor explicou todo o código por trás das mágicas que aparecem quando usamos o Retrofit, o Crashlytics ou o Firebase, por exemplo. Ele falou de Proxy, inicialização automática de bibliotecas, hooks no lifecycle de todas as activities/fragments e cash reporting, tudo mostrando o código mesmo por “debaixo dos panos” em uma livecoding bem maneira.

Victor “Capitão” Nascimento mostrando como funcionam os truques de libs famosas do Android.

Dar sequência à apresentação do Victor foi um desafio enorme para o Rodrigo Castro, mas ele não se abalou nem com a presença do head da área mobile, Victor Lima; do nosso CEO, Fernando de la Riva; e do head de DevOps, Victor Oliveira, que não só apareceram bem na hora da talk dele como também quiseram participar do debate sobre Flutter. Vale lembrar também a presença significativa dos nossos iOSers, que até tentaram ficar escondidinhos mas não perderam a oportunidade de dar uma olhada no lado “maçã” do Flutter.
Mas o que é Flutter? Bom, é um framework de UI criado pelo Google que cria “aplicativos nativos lindos em tempo recorde”. Detalhe: para iOS e Android ao mesmo tempo. Pois é… Soou estranho pra muita gente mas parece que o negócio funciona mesmo. As dúvidas giram em torno de performance e da mistura entre o Google Material e o Cupertino, mas Rodrigo explicou que o framework não usa o WebView nem os widgets OEM dos dispositivos, mas um mecanismo de renderização próprio parar criar os Widgets. Além disso, o Flutter tem só uma camada fina de código C/C++, o restante é em DART (uma linguagem moderna, concisa e orientada a objetos).
Depois dessa intro, Rodrigo apresentou cada uma das principais features do Flutter, e gerou um debate bem legal sobre o uso da ferramenta. Vale a pena dar uma olhada na apresentação dele, que está aqui. Dica: tem várias referências para estudar no fim, inclusive um post do Capitão que explica a diferença entre outras ferramentas de desenvolvimento híbrido e o Flutter.

Rodrigo Castro falando de Flutter.

Por fim, Bruno de Lima até tentou acabar com o evento e mandar a galera pra casa (já era tarde!) mas o pessoal quis continuar trocando conhecimento e fomos para a última talk, sobre o uso de Robots com Arrange, Act e Assert. Bruno explicou o que significa e como funciona cada um dos “As”, que basicamente são as etapas dos nossos testes (preparação, ações e asserções) por meio de exemplos. Depois, apresentou o Robots Pattern, que tem por objetivo separar o quê está sendo testado de como está sendo testado. E ainda mostrou uma união entre os padrões, para melhorar a visibilidade e o entendimento dos tesetes. A lição maior foi “tenha cuidado com a sua classe de testes do mesmo jeito que você cuida do seu código normal”. #ficadica. Foi rápido, mas bem produtivo! Se você quiser ver a apresentação dele é só clicar aqui.

Bruno de Lima com o tema “Robots com Arrange, Acte Assets”

And that’s all folks! Estava aqui ontem trocando conhecimento com a gente? Deixe seu feedback! Se inscreveu mas não veio? A gente sabe que foi por causa da chuva, mas conta pra gente o que rolou aqui. =P E se você não veio e não se inscreveu deixa aqui embaixo o seu comentário! Mês que vem a gente volta com mais um Coders on Beer para fomentar a comunidade de devs em São Paulo. Fique atento às nossas redes sociais e participe. Até lá!